Terremoto na Itália

Um violento terremoto sacudiu nesta segunda-feira a cidade medieval de Áquila, no centro da Itália, matando ao menos 20 pessoas, deixando 30 desaparecidas e milhares de outras desabrigadas.

O tremor de 6,3 na escala Richter atingiu Áquila às 3h32 (22h34 em Brasília), quando a maioria dos moradores dormia. O abalo foi sentido na capital, Roma, que fica a 95 quilômetros de distância.

De acordo com a Defesa Civil de Áquila, cerca de 10 mil prédios da cidade - que tem 70 mil habitantes - foram danificados. Um albergue de estudantes e algumas igrejas ruiram por inteiro. Equipes de resgate estão procurando sobreviventes sob os escombros.

O primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, cancelou sua viagem a Moscou e foi para Áquila. O governo italiano decretou estado de emergência na região de Abruzzo, onde Áquila está localizada. O tremor causou danos também em outros vilarejos da região, que é montanhosa. Linhas de telefone e eletricidade foram danificadas e cortadas.

O hospital de Áquila foi parcialmente danificado, o que dificultou o atendimento aos feridos. Milhares de voluntários de toda a Itália se dirigiram à região. Segundo a Defesa Civil, o número de vítimas em Áquila deve superar o do último terremoto que atingiu a Itália, em 2002, na cidade de San Giuliano, na região da Puglia, onde morreram 20 pessoas.

O tremor também foi sentido em outras regiões italianas, como Lazio e Marche, onde não ocorreram danos ou houve vítimas. Algumas pessoas, apavoradas, chegaram a sair às ruas de cidades dessas regiões.

Em Áquila, o tremor durou aproximadamente 30 segundos durante a madrugada. Moradores e equipes de resgate usavam as próprias mãos para remover escombros de prédios destruídos. Sobreviventes, muitos em suas roupas de dormir, se abraçavam enquanto esperavam notícias de parentes ou amigos.

Fonte: BBC Brasil

Na região existe apenas uma Igreja Adventista, em Scafa, na província de Pescara, que não sofreu nenhum dano. Não existem vítimas ou feridos entre os membros.

Atualmente o trabalho de resgate está sendo realizado pela Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e pelo exército.

A Adra (Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais) irá atuar em conformidade com a Defesa Civil e com as autoridades locais .

Entretanto, aqueles que desejarem enviar doações já podem utilizar a seguinte conta bancária da Adra Itália: IBAN IT 95E 01030 03203 000000 866909 BIC / SWIFT: Pascitm 1 RM3;
ou na conta corrente postal número 1608004, registrada como ADRA Itália, motivo Tremor de terra em Abruzzo.

Doações são dedutíveis.

Fonte: http://avventisti.it/sito/news_dettagli.asp?id=2929

assine o feed

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Créditos

100% Adventista

Site melhor visualizado no Google Chrome ou no Mozilla Firefox,
Desenvolvido por Bruno, membro da IASD Central do Rio de Janeiro.

Autores:

Clayson Albino

Daniel Santos

Editor Geral:

Bruno Vieira

Todos os Direitos Reservados © 2008 - 2013

Área Restrita

Usuário:
@comunidadeadventista.com
Senha:
Não consegue acessar a sua conta?

  © Comunidade Adventista - 2008 - 2013 | Desenvolvido por Bruno Vieira